Você está aqui:

29% dos brasileiros monitoram a saúde por meio de aplicativos

ABEP Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa

21/10/2016

Estudo internacional da GfK feito com mais de 20 mil internautas, em 16 países, revelou que 29% dos brasileiros monitoraram a própria saúde e condição física por meio de aplicativos móveis, pulseiras, clipes e relógios inteligentes.  O percentual coloca o Brasil e os Estados Unidos lado a lado na segunda posição do ranking dos países em que esse hábito é mais popular.  A lista é liderada pela China, onde 45% dos entrevistados declaram fazer uso desses recursos para monitoramento das condições físicas e da saúde.  Na terceira posição da lista está a Alemanha (28%), seguida pela França (26%).

No Brasil, esse hábito é mais comum entre os entrevistados com 20 a 29 anos de idade (36%). Os adolescentes (de 15 a 19 anos) concentram o maior número de pessoas que já monitoraram sua saúde e condição física no passado, mas que não o fazem atualmente.

Responda Aqui:

ColetivaWeb