Você está aqui:

Brasileiros que dizem pagar propina é segundo menor da América Latina e Caribe

ABEP Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa

18/10/2017

Estudo da Transparência Internacional revela que 11% dos brasileiros assumiram pagar propina para ter acesso a serviços públicos, como saúde, educação, serviço de polícia ou emissão de documentos. É o segundo menor índice da América Latina e Caribe, atrás apenas de Trinidad e Tobago, onde 6% admitiram pagamento de propina.

A Transparência Internacional ouviu 22.302 pessoas de mais de 16 anos em 20 países da América Latina e Caribe entre maio e dezembro de 2016. A margem de erro estimada é de 2,8% e o nível de confiança é de 95%.

O levantamento também mostrou o Brasil como o país onde é maior a taxa dos que acreditam que pessoas comuns podem fazer a diferença no combate à corrupção (83%). Em seguida aparecem Costa Rica e Paraguai, com 82%. Além disso, 81% dos entrevistados brasileiros disseram que, se presenciassem um ato de corrupção, seriam obrigados a denunciá-lo. Esse índice é maior só no Uruguai (83%) e na Costa Rica (82%).

Saiba mais no link

Você pode acompanhar nossas publicações e fazer o download da revista PMKT21 também pelo aplicativo da ABEP.

Baixe agora o PMKT 21:

– Apple Store

http://ow.ly/WARy30bmUm1

– Google Play

http://ow.ly/eud730bmUOM

Responda Aqui:

ColetivaWeb