Você está aqui:

Confiança do Consumidor no Brasil permanece estável

ABEP Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa

12/04/2017

Realizada em 63 países, pesquisa global da Nielsen sobre Confiança do Consumidor, divulgada no início deste mês, identifica que o Brasil no quarto trimestre de 2016 avançou um ponto no Índice de Confiança do Consumidor, atingindo a marca de 85 pontos − 11 a mais em relação ao levantamento do primeiro trimestre do ano passado.

De acordo com o estudo, 91% dos entrevistados on-line acreditam que o Brasil atravessa período de recessão econômica (92%, levantamento do 3º trimestre), 54% pensam que a situação permanecerá assim nos próximos 12 meses (48%, 3º trimestre), reflexo do ambiente instável na política e na econômica. Em relação às oportunidades de emprego, 47% dos brasileiros consideram que a situação não se reverterá no médio prazo (48%, 3º trimestre). No entanto, 62% avaliam que as finanças pessoais podem melhorar no mesmo período (63%, 3º trimestre).

Entre as maiores preocupações dos latino-americanos, a economia em seus países ainda ocupa o primeiro lugar (35%), seguida da estabilidade no emprego (24%) e a criminalidade (24%). Outras inquietações estão relacionadas à saúde (17%) e ao reajuste no preço dos alimentos (17%). A Pesquisa Global da Nielsen sobre a Confiança do Consumidor e as Intenções de Gastos foi realizada entre os dias 31 de outubro e 18 de novembro de 2016, consultou mais de 30.000 consumidores on-line, em 63 países distribuídos pela Ásia Pacífico, Europa, América Latina, Oriente Médio, África e América do Norte.

Responda Aqui:

ColetivaWeb