Você está aqui:

Salários estacionados ou em queda

ABEP Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa

30/06/2017

Levantamento da Michael Page, empresa global de recrutamento e seleção, detectou que oito em cada dez cargos apresentam remuneração estável ou em queda, em comparação com 2015. O estudo avaliou as condições salariais em 15 setores, como bancos, engenharia, manufatura, jurídico, marketing, supply chain, petróleo, construção, recursos humanos, TI e vendas.

No Brasil, a pesquisa ouviu mais de três mil executivos sobre suas impressões a respeito das condições profissionais. Segundo a Michael Page, o mercado brasileiro reage atento a possíveis mudanças e prevendo uma retomada no médio prazo. Na alta gerência, a perspectiva é de um período de muitas mudanças como consequência de processos de redução de quadro, consolidação e mudanças societárias. As empresas continuam buscando profissionais que consigam combinar habilidades estratégicas com forte perfil de execução.

Nos setores de supply, engenharia, petróleo e gás e propriedade e construção, 100% das profissões foram atingidas pela remuneração estável ou em queda. Enquanto, em vendas e TI, 97%; em saúde, 92%; em marketing, 82%; em jurídico, 78%; em varejo, 73%; em seguros, 75%; em recursos humanos, 64%; e, em financeiro, 57%. Porém, a área de bancos e serviços financeiros foi a exceção do estudo, uma vez que, dos 40 cargos verificados, três não obtiveram aumento salarial. A divisão de digital, que é posterior ao estudo de 2015, não apresenta histórico de comparação.

Saiba mais no link.

Você pode acompanhar nossas publicações e fazer o download da revista PMKT21 também pelo aplicativo da ABEP.

Baixe agora o PMKT 21:

– Apple Store

http://ow.ly/WARy30bmUm1

– Google Play

http://ow.ly/eud730bmUOM

Responda Aqui:

ColetivaWeb