Você está aqui:

86% dos líderes de governo preferem a rede social Twitter

ABEP

13/05/2015

O estudo anual “Twiplomacy”, realizado pela Burson-Marsteller, comprovou mais uma vez que o Twitter se tornou a rede social favorita dos líderes mundiais para alcançar audiências por meio de mensagens-chave. A pesquisa analisou 669 contas do governo em 166 países, apontando que 86% dos governos das Nações Unidas têm presença no Twitter.

O estudo indicou que dos cinco líderes mais ativos no Twitter no mundo, quatro são da América Latina. O presidente do México, Enrique Peña Nieto é o líder da América Latina com mais seguidores, à frente do presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos e da presidente da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner, que têm mais de 3,6 milhões de seguidores cada um. A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, e o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, completam a lista dos cinco líderes mais influentes no Twitter na América Latina, com 3,3 e 2,4 milhões de seguidores respectivamente.

Mais informações: twiplomacy.com

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

nove − 6 =

ColetivaWeb