Você está aqui:

Brasileiro acredita que o cidadão comum pode fazer diferença contra a corrupção

ABEP Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa

01/10/2019

Estudo da Transparência Internacional revela que o Brasil é um dos países da América Latina e do Caribe em que a população mais acredita que o cidadão comum pode fazer a diferença na luta contra a corrupção. O levantamento “Barômetro Global da Corrupção” foi realizado entre janeiro de março deste ano, com mais de 17 mil pessoas em 18 países.

Com um índice de 82%, o Brasil aparece em terceiro lugar, atrás de Bahamas (85%) e Costa Rica (84%) e acima da média geral da região, de 77%. Há dois anos, porém, os brasileiros chegaram a ocupar o primeiro posto no ranking.

Saiba mais: https://bit.ly/2mvRVba3 Blog

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

8 − = cinco

ColetivaWeb