Você está aqui:

Cai satisfação do paulistano com coleta seletiva

ABEP

22/04/2015

A insatisfação dos paulistanos com fatores relacionados ao meio ambiente na cidade aumenta de 2013 para 2014. De acordo com o IRBEM (Indicadores de Referência de Bem-Estar no Município), o índice caiu de 5,5 em 2013 para 4,8 na pesquisa atual, em um marcador que vai de um (insatisfação) a dez (satisfação total), em pleno cenário da Política Nacional de Resíduos Sólidos, que entrou em vigor em agosto de 2014. O levantamento, que está na sua sexta edição, foi realizado pelo IBOPE Inteligência a pedido da FecomercioSP, em parceria com a Rede Nossa São Paulo.

Apenas dois dos 12 subitens avaliados – consciência e responsabilidade ambiental e a proximidade de parques e áreas verdes – não apresentam alteração de 2013 para 2014. Os demais mostram piora na avaliação de satisfação em relação ao ano anterior. A pesquisa entrevistou 1.512 moradores, com 16 anos ou mais, entre os dias 24 de novembro e 8 de dezembro de 2014. O estudo completo está disponível no link ibop.com.br

Deixe seu comentário

Uma resposta para “Cai satisfação do paulistano com coleta seletiva”

  1. Acho que falta projetos de incentivo à população para que as pessoas comecem a se conscientizar mais sobre a necessidade de fazer a coleta seletiva, tanto fora como dentro de casa. As pessoas estão tão mau informadas, que se que lembram de fazer a seleção do lixo. Muitos não sabem nem do que se trata e outros acham que não é problema deles. Quando pergunto sobre em que mundo viverão nossos netos e filhos, dizem que nem pensam nisso! Acho que a conscientização deveria acontecer principalmente nas escolas para que os próprios filhos comecem a cobrar os pais.

    Viviane Fernandes

Deixe uma resposta

9 − um =

ColetivaWeb