Você está aqui:

Mais de 50% das empresas brasileiras fecham antes de completar quatro anos

ABEP

23/09/2015

O estudo “Demografia das Empresas 2013″, divulgado na sexta-feira passada (4/9) pelo IBGE, aponta que mais de 50% das empresas brasileiras não consegue sobreviver no mercado após quatro anos. De acordo com o levantamento feito com base no ano de 2013, do total de 694,5 mil empresas que nasceram em 2009, 536,6 mil (ou 77,3%) sobreviveram em 2010. Já no ano seguinte, este número caiu para 452,5 mil, ou 65,2%.

Em 2012, o número de sobreviventes foi para 387,4 mil, ou 55,8%. Em 2013, quatro anos depois, restaram apenas 329,9 mil empresas sobreviventes no mercado brasileiro, ou 47,5% do total de quatro anos. Segundo o IBGE, empresas maiores tendem a apresentar taxas mais altas de sobrevivência. Nas faixas menores existem grandes movimentos de entrada e saída e consequentemente taxas mais baixas de sobrevivência.

 

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

× 5 = quarenta

ColetivaWeb