Você está aqui:

Menor frequência presencial em sala de aula

ABEP Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa

20/08/2020

Estudo #Ipsos Essentials revela que, no momento atual, as crianças e os adolescentes brasileiros deveriam comparecer presencialmente com menor frequência às salas de aulas, em relação ao padrão tradicional, de segunda à sexta-feira. O levantamento foi realizado 16 países.

Dos 1.000 respondentes consultados no Brasil, 74% deles apoiam a medida de restringir o comparecimento dos alunos. Coreia do Sul (83%), Índia (81%) e México (80%) são as nações que mais apoiam a ideia. Por outro lado, França (42%), Itália (44%) e Alemanha (46%) menos da metade das pessoas ouvidas concorda com a restrição da frequência.

Saiba mais: https://bit.ly/2DRUOMP

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

3 × = vinte sete

ColetivaWeb